15 outubro ‘Boteco Parador’ estreia neste sábado (17) no Recife Antigo

O produtor do evento Augusto Acioli com Xande de Pilares

A partir das 15h deste sábado (17), os pernambucanos poderão aproveitar um novo projeto no Recife Antigo: Boteco Parador. Transformando a já conhecida estrutura do Parador em um novo bar da cidade, a nova aposta contará com o formato de mesas, ao ar livre, com o devido distanciamento e divisórias de segurança, com comidas e bebidas servidas pelo tradicional bar Quintal do Picuí.

 

Respeitando as regras de distanciamento e todos os protocolos de segurança, o projeto ganhará ainda toda a animação da música ao vivo de Xande de Pilares, Rafa Mesquita, Sambar & Love e Camisa 10. Disponibilizando álcool em gel para o público e aferindo a temperatura de todos ao entrar no espaço, o Boteco Parador acontecerá todos os sábados, com previsão até o final de novembro, sempre com atrações diferentes na programação.

 

Com a venda exclusivamente online, através do site da Bilheteria Digital, a mesa para quatro pessoas custa, na estreia, R$ 400, R$ 500 e R$ 600, de acordo com a localização dos assentos, disponíveis no site da compra.

15 outubro Novo herdeiro

A Família Pereira está na maior felicidade! Agora são 5! Luísa acaba chegar para a alegria de todos! O Selecta deseja felicidades! Parabéns ao casal: Beatriz Dantas e Aercio Pereira Filho!

15 outubro Artistas paraibanos aprovam Casa Brasileira João Pessoa

Clóvis Júnior

Inspirada na brasilidade e nos elementos da cultura do País, chegou em João Pessoa a mais nova unidade da Casa Brasileira. A loja que tem como propósito tornar o sonho do móvel planejado possível. Os projetos oferecem as melhores modelações e atendem diversos tipos de públicos, com valores justos e excelente custo benefício.

 

 

Inaugurada neste mês de outubro, a Casa Brasileira já vem conquistando a admiração de artistas paraibanos. Para Rabi Araújo, arquiteto e design de destaque internacional, a Casa Brasileira chega à cidade para proporcionar uma experiência única ao planejar o lar. “É mais do que uma loja de móveis. Ela é uma marca autêntica que traz em cada detalhe elementos brasileiros com sentimento de pertencimento ao que é, de fato, nosso”, comenta Rabi. Na decoração do showroom, estão algumas peças de Rabi. Ele desenvolve adornos em metal (chapa de zinco galvanizado) com tema Origami- a Brasilidade. Além dos barquinhos, Rabi também desenvolve tucanos, araras e outras peças exclusivas, criadas juntamente com seu pai, José Bispo. Algumas, inclusive, estão à venda na Casa Brasileira.

 

Já o artista plástico Clóvis Júnior, também de reconhecimento internacional com sua arte naif, celebra também sua obra exposta na loja. “Desde que ouvi o nome da casa fiquei maravilhado e já me chamou muita atenção. Estamos tão americanizados que esquecemos de valorizar as belezas do nosso país. Então, acredito que essa veio para revolucionar as tendências na arquitetura da cidade”, comemora o artista plástico.

 

Em João Pessoa, a Casa Brasileira fica na Avenida Edson Ramalho, 44, em Manaíra. Para mais informações, os telefones são (83) 3507-2822 e (83) 99182-0069. No instagram, @casabrasileira.joaopessoa . O site é https://www.casabrasileiraparaiba.com.br

14 outubro Projeto voluntário promove oficinas criativas e transforma vidas de sertanejos no interior da Paraíba

Amor ao próximo, dedicação e respeito. Esses são alguns dos ingredientes que o trabalho voluntário exige para que ações transformadoras possam atingir aqueles que mais precisam. Na Paraíba, desde 2013, a ONG Milagre Sertão busca melhorar a qualidade de vida dos sertanejos por meio de projetos sustentáveis e inovadores. Com esta missão, o time de voluntários do Projeto já promoveu oficinas e realizou atendimento médico em comunidades dos municípios de Picuí, São José de Piranhas e Cacimba de Areia.

 

 

De acordo com Anna Raquel, voluntária do Milagre Sertão, as visitas foram importantes para conhecer de perto as necessidades da população e proporcionar ações que possam contribuir com o desenvolvimento local. “Ao falar com o representante de cada comunidade, senti que eles têm um certo receio de como as coisas estarão pós pandemia. As incertezas que antes já tinham, hoje tornam-se ainda maiores”, conta Anna Raquel. “Poder falar com cada um e ouvir relatos de gratidão ao nosso trabalho foi de encher o coração. Saber o quanto o Milagre Sertão é querido, é sinal de que fazemos a coisa certa e da maneira certa: com amor”, declara a voluntária.

 

 

Ao todo, foram realizadas oficinas de plantio de palma, artesanato, costura e produção de sabão. Além disso, também houve atendimento médico e odontológico, distribuição de cestas básicas e brinquedos, bazar, almoço coletivo nas comunidades, reforma e revitalização de escola e praças. “Ver os frutos de cada ação é de se orgulhar. Saber que as oficinas de plantio geram uma plantação de qualidade, que as mulheres estão conseguindo ter uma renda e abrindo seu próprio negócio a partir da oficina de costura, é uma alegria que não tem preço ”, celebra Anna Raquel.

 

 

Para Maria do Socorro Cruz, moradora de São José de Piranhas e atendida pela ONG, as oficinas foram a oportunidade para conseguir uma renda extra neste período de pandemia. “Todas as ações deixaram aprendizados para toda a comunidade, principalmente o amor e carinho ao próximo, que nunca vamos esquecer. Com a oficina de artesanato, pude abrir a mente e comprei máquinas de costura. Estou muito feliz por estar produzindo peças para vender, como máscaras, lençol de cama e roupas de crianças”, conta.

 

 

Segundo ela, a oficina de plantação de palmas também deixou muitos ensinamentos na comunidade. “As pessoas que tiveram o treinamento estão conseguindo desenvolver todo o processo de plantação da melhor forma, principalmente, após a temporada de chuvas.

 

O Milagre Sertão nos deixou capacitados para realizarmos um trabalho digno e conseguir um extra”, explica Maria.

 

 

Com as iniciativas sociais, a ONG se se tornou referência na luta pela qualidade de vida e bem estar da população sertaneja e, até agora, já beneficiou mais de cinco mil pessoas.

 

 

Lojinha do Milagre – Com a missão de dar continuidade aos projetos que beneficiam famílias que sofrem com os efeitos da seca no interior da Paraíba, a ONG conta com a “Lojinha do Milagre” como fonte de renda para colocar as ações em prática. Na lojinha, é possível adquirir camisas, tapetes, sousplat, quadros e cases para latinhas, todos os produtos retratam a realidade do sertão em forma de arte para o uso casual com valores especiais de R$20 a R$85. A produção das peças é feita por artesãs de comunidades assistidas pelo projeto ou em parceria com marcas que acreditam na causa da ONG.

 

 

Doação mensal – Outra alternativa para contribuir com as ações promovidas pelo Projeto é se tornar um doador mensal. Para facilitar ainda mais as doações e fortalecer o relacionamento com os voluntários e apoiadores, a ONG adotou uma mecânica que permite doações mensais de forma automática.

 

 

Para se tornar um doador mensal, é necessário se cadastrar no site e escolher o valor que será doado, a partir de R$30. Ao aderir à campanha, o público pode participar das ações do projeto, além de receber informes periódicos das atividades e da prestação de contas.

 

 

A ONG Milagre Sertão fica na Rua Antônio Rabelo Júnior, nº 81 Sala 01 e 02 – Miramar. Outras informações, no site milagresertao.org/, no (83) 3021-9891 e no insta @milagresertao.

14 outubro Empresa paraibana tem estande virtual no Silicon Valley Web Conference

Válber Azevedo

A Paraíba está representada, através da VS Datta Imagem, no maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital da América Latina – o Silicon Valley Conference. Na versão 100% online e gratuita, a empresa paraibana de tecnologia é um dos patrocinadores e expositores com um estande virtual no setor de LegalTech ao lado de outros grandes players do mercado.

 

Graças a uma plataforma exclusiva na web, o Silicon Valley Conference vem trazendo uma (inovadora) jornada de capacitação e informação em diversas áreas de conhecimento por 30 dias, com os grandes nomes do Vale do Silício, nos EUA, e do Brasil.

 

Inovação e tendências, network sem sair de casa estão disponíveis através da plataforma.

 

“Já participamos desse evento antes, tanto presencialmente, quanto virtualmente e, de fato, ele tem um impacto na nossa visão de mundo, dos negócios e da carreira”, avalia Válber Azevêdo, CEO da VS Datta Imagem, empresa fundada há mais de 20 anos na Paraíba e que atua no Norte e Nordeste provendo soluções de tecnologia, gestão documental, segurança de dados, entre outros.

 

Produtos

 

Ao acessar o estande virtual da VS Datta Imagem, o visitante tem acesso aos produtos que a empresa oferece, como a plataforma de assinaturas digitais Dattasign que já atende pessoas físicas e jurídicas de todo o país na gestão de processos de documentos e contratos.

 

O estande também está sendo palco para um preview de um produto que ainda vai ser lançado: o DattaBank, um banco digital nos moldes do PicPay. “Além disso, expomos os serviços digitais para Cartórios como autenticação digital de documentos, de página web e reconhecimento de firma da assinatura digital, bem como o arquivo virtual que é a custódia digital de documentos, armazenados na nuvem”, explica Azevêdo.

 

Inscrições gratuitas

 

O Silicon Valley Conference vai trazer até o dia 30 de outubro importantes temas em suas plenárias e salas de conteúdo. Entre os temas, estão ‘Como 2020 está antecipando o futuro do trabalho e da Educação?’, ‘É possível ter a privacidade totalmente garantida no mundo digital?’, ‘O futuro do varejo … não é varejo. Como a IA e o comportamento do consumidor estão transformando este setor’.

 

Mais informações e inscrições:https://vrlps.co/3ssdagt/cp

14 outubro Autor pessoense participa do concurso organizado pela Amazon Brasil

Alex Cavalcanti

A trajetória de um aspirante a escritor perdido entre lembranças e temores durante uma viagem de uma semana. Este é o ponto de partida de grande expectativa para a noite de sábado, romance concorrente à edição 2020 do Prêmio Kindle. A premiação organizada pela Amazon Brasil visa incentivar a criação literária e divulgar a obra de novos autores, assim como fomentar a leitura.

 

O autor pessoense radicado em São Paulo participa pela segunda vez do prêmio. Em 2018 ele concorreu com Ladrão de corações, romance que em 2017 foi um dos dez finalistas no prêmio Papel Pólen de Literatura do mesmo ano. Desta vez, o autor concorre com o romance que tem como referências a obra dos americanos Paul Auster e Henry Miller, conhecidos pelas histórias viscerais que flertam com vários gêneros literários. “Eu quis contar uma história que despertasse questionamentos e nos fizesse pensar sobre a vida. O protagonista do livro passa por traumas e experiências que podem despertar identificação com os leitores. Também quis falar sobre as contradições do caráter do brasileiro e de como é viver no Brasil dos dias de hoje”, contou.

 

A obra inédita levou dois anos para ser produzida e é a primeira vez que concorre a um prêmio literário. Se dedicando em tempo integral à literatura, hobby cultivado desde a adolescência, Alex participa de concursos literários no Brasil e em Portugal. Segundo ele, está é uma das principais maneiras que novos autores têm para divulgar o seu trabalho e conseguir inserção no concorrido mercado editorial brasileiro. “Devemos combater o mito de que brasileiro não lê. Temos autores celebrados internacionalmente, como Machado de Assis, Clarice Lispector e Lygia Fagundes Telles, escritores que elevaram a nossa literatura e são ótimas formas de se conseguir diversão e conhecimento.

 

Organizado desde 2015 pela sucursal brasileira da gigante americana do varejo, o prêmio literário se consolidou como um dos principais do segmento no país. Neste ano, além do valor monetário, o autor premiado terá a versão impressa do seu romance disponibilizada em uma das edições do Tag, prestigiado selo de curadoria literária. Com  mais de 40 mil assinantes no país, a Tag foi responsável por apresentar aos leitores brasileiros a obra de novos escritores e autores já celebrados em países cuja literatura ainda é pouco conhecida no país, como Coreiado Sul e Moçambique.

 

O resultado da edição 2020 do Prêmio Kindle será divulgada no começo do ano que vem. A obra concorrente está disponível para download dos usuários do Kindle e leitura gratuita on-line através do site da Amazon Brasil. O livro pode ser lido através deste link.

14 outubro Almoço especial

Vanina e Romero Feitosa recepcionando a nossa editora Celeste Maia

Os queridos Vanina e Romero Feitosa foram os anfitriões da tarde do último sábado na residência de veraneio do casal , localizada em Camboinha (Cabedelo). Só alegria!

 



14 outubro Casamento

Nesta última sexta-feira, o casal Andressa Queiroz e Aderbal Villar disse “sim” ao amor eterno com cerimônia religiosa na Igreja São Bento e em seguida, recepcionaram seus convidados na Pérola Recepções. Só alegria!

14 outubro Aniversário

O jovem médico Fred Boulitreau reuniu sua família e seus familiares mais próximos para comemorar mais um ano de vida, nesta última quinta-feira, com um jantar no Aquamare Residence. Só alegria!

14 outubro Comemoração

Daniel Pinto com seu namorado Petrus Cartaxo

A querida Daniela Pinto reuniu os amigos, neste último sábado, para comemorar mais um ano de vida no Hao Restaurante. Só alegria!

Selecta Club no Instagram