26 fevereiro

Sétima edição do Carvalheira na Ladeira reuniu cultura, pluralidade e inclusão em Olinda

Sétima edição do Carvalheira na Ladeira reuniu cultura, pluralidade e inclusão em Olinda

Mistura de ritmos, sensações e uma experiência inesquecível. Assim foram os quatro dias de folia promovidos pelo Carvalheira na Ladeira. O público curtiu cada segundo da programação multicultural extensa que a agência Carvalheira preparou para a 7ª edição. Do sábado (22) a terça (25) a estação carnavalesca recebeu aproximadamente 40 mil foliões durante o período e mais de 25 artistas locais e nacionais e de gêneros como frevo, coco, sertanejo, funk e-music e axé trazendo diversidade e abrilhantando ainda mais o evento. Por lá, também circularam nomes como Giovanna Lancellotti, Agatha Moreira, Rodrigo Simas, Kadu Dantas, Camila Coutinho, Caio Braz, Walério Araújo, dentre outros.

 

A folia teve início no sábado (22) que teve como destaque no lineup a cantora Anitta, que subiu ao palco com a fantasia de cavalo marinho, dando continuidade à temática escolhida para a folia carnavalesca com animais em extinção. Muito funk, rebolado e alto astral marcaram a apresentação da cantora que também deu uma aula no quesito empoderamento feminino e afirmou: “O meu recado vai para os homens, respeitem as mulheres independente do que elas estejam vestindo ou de como estão dançando”, disse. Jorge e Mateus, Durval, Cat Dealers e Zullu também fizeram parte da programação do sábado de Zé Pereira.

 

No domingo (23), a paraibana Elba Ramalho fez um show histórico deixando todos sem fôlego, em um espetáculo que reuniu clássicos do frevo e de sua carreira. Xand Avião, Simone e Simaria, KVSH e Pontifexx, também comandaram o palco. Na segunda (24), foi a vez de Dennis DJ, Bhaskar, Matheus e Kauan e a estreia do gigante Léo Santana, no palco do Carvalheira na Ladeira. E encerrando a programação, na terça (25) Alceu Valença, Harmonia do Samba, Latino, Make U Sweat, Vintage Culture, Pedro Sampaio e o DJ holandês Martin Garrix, eleito o top 2 do mundo pela DJ Mag. “O Carvalheira na Ladeira 2020 finalizou com gosto de quero mais. Uma mistura de ritmos garantiu a diversão do público que curtiu do axé ao e-music, mas sem esquecer das nossas raízes”, finalizou Victor Carvalheira, sócio da agência Carvalheira.

 

 

Responsabilidade social
Além da programação multicultural, o evento conta com um tripé de ações para promover inclusão e representatividade no evento. Entre as iniciativas englobadas no evento, medidas de acessibilidade, combate ao assédio e reciclagem. Nessa edição, banheiros acessíveis, intérpretes de Libras no palco, cardápios em braile na praça de alimentação, entre outras medidas de acessibilidade foram realizadas. Como meta do programa Lixo Zero Carvalheira Sustentável, tem a meta de reciclar 90% do lixo gerado durante o evento. Ao atingir a marca, o evento será o primeiro com selo “Lixo Zero” no estado. Também durante os quatro dias de evento a startup “Women Friendly” realizou algumas ações preventivas no Carvalheira na Ladeira para promover o acolhimento e lidar com possíveis situações de assédio.

 

Selecta Club no Instagram