19 fevereiro

Romero Ferro lança versão acústica de “E Se Não Era Amor” com participação de Duda Brack

Romero Ferro lançou “E Se Não Era Amor” em outubro de 2020, o single marcou sua estreia como artista do selo Milk Music além de ter sido o primeiro material inédito depois do ciclo de trabalho do CD “FERRO”. Agora a música ganha nova roupagem e participação de Duda Brack, que promete dar ainda mais destaque à sensibilidade e visceralidade presentes na obra.

 

O cantor e compositor pernambucano afirmou que o processo de fazer uma versão acústica para “E Se Não Era Amor” veio da vontade de mostrá-la despida, ela por ela mesma. A canção nasceu na pandemia, e traz consigo um lirismo muito explorado por Romero em suas baladas, encaminhando o ouvinte ao ponto máximo da emoção. “Ambas as versões me representam, mas tem obras que ficam mais viscerais quando você as coloca em um contexto mais limpo, de voz e violão, foi exatamente o que aconteceu”, afirmou.

 

 

Para a participação, Romero buscou uma voz marcante para somar no resultado final. “Conheço o trabalho dela faz tempo, e sabia que esse convite chegaria em uma hora especial. Ela trouxe uma densidade à letra, junto com um olhar muito particular”, contou, explicando que a canção retrata um casal tendo a sua última discussão, com todos os sentimentos à flor-da-pele. Segundo ele, Duda entrou de cabeça na proposta e o resultado foi emocionante.

 

Para Duda Brack, a versão acústica é uma forma de se conectar mais diretamente com os fãs. “Acho que o trabalho do Romero tem uma proposta estética de sonoridade, assim como o meu. Ao longo da quarentena fui desenvolvendo muita coisa de voz e violão, por conta das lives, e ele veio trazendo a ideia nesse mesmo sentimento de conexão mais fluida. A gente super se conectou nesse lugar”, explicou a artista.

Selecta Club no Instagram