Baladinhas recifenses por Claudia Aires

Baladinhas recifenses por Claudia Aires

O sobrenome dela bem que podia ser “badalo”! A produtora paraibana radicada no Recife, Claudinha Aires, já é uma festa em pessoa – e como se não bastasse, frequenta as festinhas mais badalas na capital pernambucana. Foi por isso que pedimos a ela dicas de quais as melhores festinhas e lugares para se divertir no Recife. Confira a seguir!

Odara Ôdesce: É uma das minhas festas preferidas por vários motivos: começa cedo, geralmente é a céu aberto, minhas amigas são as melhores DJs, já conheço a equipe toda e fiz vários amigos na pista de dança. Sem contar que em algumas edições é o encontro dos órfãos da Sem Loção!

Barchef: É novo e desde janeiro é um espaço lindo para qualquer hora do dia, com vários ambientes e agora com um Pub para virar a noite! Drinks diversos, comidas deliciosas, um jardim incrível, mercadinho gourmet, arte em toda a parte e diversidade de público.

Lesbian Bar: Você não sabe bem como chega mas, religiosamente, abre nas quartas-feiras. Se for, vai querer voltar sempre, seja pra jogar conversa fora, dançar uns sons diferentes ou tomar cerveja no quintal. Tem arte de Fernando Peres espalhada por todos os cantos, às vezes tem uma peluqueria e gatos, muitos gatos (felinos)! Sempre uma alternativa certa e completamente diferente de tudo o que você já viu no meio da semana.

Cubana Bela Vista: Essa eu não vou há um tempinho, mas é bom falar pra quem visita. No ultimo domingo do mês tem um salão nobre pras cúmbias, guarachas e gente que gosta de dançar com uma parêa, seja um paquera ou um velhinho alinhado e respeitoso. A festa com os lendários DJ’s Edinho e Jacaré começa às 19/20h, fica no Morro Alto do Céu e é um pouco difícil de chegar, mas vá com um amigo de Recife que fica tudo certo.